Blogia
COMUNICAÇÃO E PATRIMÓNIO MUNDIAL - Blogue de Apoio à Tese de Doutoramento

Caminho usado pelo Império Inca candidato a Património Mundial

Caminho usado pelo Império Inca candidato a Património Mundial

SANTIAGO, 15 MAR (ANSA) - O Caminho Principal Andino, usado durante 80 anos pelo Império Inca "é um dos monumentos mais impressionantes do mundo", afirmou Francesco Bandarín, diretor do Centro de Patrimônio Mundial da Unesco.

A rota, conhecida também como Ohapaq Ñam, percorre 6.000 km em zonas da Argentina, Bolívia, Colômbia, Chile, Equador e Peru e pode se tornar Patrimônio Mundial da Humanidade.

"Será preciso um trabalho intensivo de harmonização e proteção para conseguir seu reconhecimento como Patrimônio da Humanidade porque se trata de um projeto em escala continental", disse Bandarín.
    Segundo o diretor, o Caminho Principal Andino "será um projeto piloto e já levanta interesse em outras regiões do mundo como a Rota da Seda entre a China e a Ásia Central".

"A nomeação tomará tempo, provavelmente até 2009 para ser definida em 2010, porque é um processo único e complexo, que reúne seis países", acrescentou.
O representante da Unesco lembrou que ao longo da rota já existem áreas protegidas e identificadas como Tihuanaco, na Bolívia, e Machu Picchu, no Peru.
Bandarín enumerou entre as etapas do processo para o reconhecimento mundial do Caminho Principal Andino "uniformizar a legislação em nível jurídico e identificar os locais por meio de mapas para definir o perímetro a ser protegido, já que se trata de mais que um caminho e sim realidades culturais".
Oscar Acuña, secretário executivo do Conselho de Monumentos Nacionais do Chile, disse que o país já começou a demarcar áreas do Caminho Principal Andino, situado na região norte do deserto do Atacama, como parte dos requerimentos iniciais para a postulação do local para patrimônio mundial. (ANSA).

¿Y esta publicidad? Puedes eliminarla si quieres
¿Y esta publicidad? Puedes eliminarla si quieres

0 comentarios

¿Y esta publicidad? Puedes eliminarla si quieres